5 filmes e séries com representatividade asiática

Quando li Para todos os garotos que já amei, no finzinho de 2015, pensei que a história havia me conquistado pelo romance e pela relação entre as irmãs Song. Mas não foi só isso. Aos poucos, vi que Lara Jean me fez perceber o quanto eu precisava de representatividade e não sabia!

Desde então, não consigo mais assistir a um filme/série ou ler um livro sem prestar atenção nesse aspecto. Não acho que tudo precisa obrigatoriamente ter representatividade. Mas confesso que, se uma minoria étnica ou grupo invisibilizado for bem representado dentro de uma história, ela já ganha um pontinho comigo!

Por isso, hoje, compartilho com vocês 5 filmes e séries com representatividade asiática* (todos disponíveis na Netflix):

Diane Nguyen | Animação, Ilustrações, Desenhos

BoJack Horseman
BoJack Horseman traz uma série de representatividades! Entre elas, a asiática, com Diane Nguyen, descendente de vietnamitas e uma das protagonistas da trama.

Never Have I Ever' star Darren Barnet on playing Paxton, fave scene -  Insider

Eu nunca…
Vocês não têm noção da minha felicidade quando vi que Paxton Hall-Yoshida, o garoto mais popular da escola em Eu nunca…, era descendente de japoneses! Pode parecer bobo, mas é um avanço e tanto se pensarmos na quebra do estereótipo! Além disso, a série é protagonizada por Devi Vishwakumar, filha de indianos, e uma de suas melhores amigas é Eleanor Wong, descendente de chineses.

Netflix: 5 motivos para ver Meu Eterno Talvez

Meu eterno talvez
Uma comédia romântica protagonizada por um casal de ascendência asiáticaAli Wong, descendente de chineses e vietnamitas, e Randall Park, de coreanos. No filme, os dois tem ascendência coreana e, mesmo seguindo tradições de família, estão longe de serem estereótipos ambulantes.

Cena inédita de “Para Todos Os Garotos Que Já Amei 2” mostra encontro de  Lana Condor e Noah Centineo – Categoria Nerd

Para todos os garotos que já amei
Lara Jean
dispensa apresentações! No entanto, para além da importância que LJ tem para mim pessoalmente, acredito que a personagem tenha aberto um mundo de possibilidades para a representatividade asiática na cultura pop.

Você nem Imagina' traz outro olhar sobre o amor teen

Você nem imagina
Ellie Chu, a protagonista, nasceu na China, mas mora nos Estados Unidos desde pequena. A questão da ascendência não é abordada diretamente, mas foi o suficiente para que eu me identificasse – principalmente quando o sobrenome da personagem vira motivo de piada.

*A representatividade asiática não se resume a japoneses, chineses e coreanos. Espero ver (e compartilhar) cada vez mais a representação dessa diversidade.

Já assistiram esses filmes? Têm indicações pra mim?

2 comments

  1. tambem gosto de produções assim ,que traz culturas de outros paises ,acho que está na hora realmente se termos mais conteudo que naõ seja passado nos EUA ou Europa .
    E vi indicaçoes de series chinesas ,japonesas e coreanas e estou com muita vontade de assistir,quem já viu ficam apaixonados

    • Sim, eu sou uma grande consumidora de produções americanas e inglesas, confesso. Mas acho importante tanto consumirmos produções de outros países, como também apreciar produções americanas ou inglesas que tragam essa representatividade!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s