Resenha de O Encantador de Gatos – Jackson Galaxy e Mikel Delgado

Quando minha família resgatou o Sebastian das ruas, eu tinha 7 anos. Infelizmente, ele viveu apenas um aninho, mas foi mais do que suficiente para eu que eu me transformasse em uma eterna apaixonada por gatos! Depois que Seba nos deixou, adotamos mais sete bebês felinos ao longo dos anos, sem contar aqueles de que cuidamos e foram alegrar outras casas. E desde então, tento cumprir a minha pequena parte na missão de desconstruir a imagem equivocada que muitas pessoas têm dos gatos.

Quem nunca ouviu dizer que eles são traiçoeiros? Ou que se apegam à casa e não aos seus guardiões? Não faz muito tempo que, pensando sobre essas calúnias, cheguei à conclusão de que o problema dos humanos (em geral) com os felinos é o ego. Enquanto os cachorros fazem de tudo para nos agradar, digamos que, com os gatos, o jogo se inverte. Belos, elegantes e sedutores, eles são animais a serem contemplados, além de extremamente fiéis ao que são e ao que gostam. Em outras palavras: amar um gato é respeitar essa autenticidade e aceitá-lo do jeitinho que ele é.

Mas isso não quer dizer que você não possa educar seu bebê felino – e, de quebra, melhorar não só a convivência entre vocês, como também a autoconfiança dele. E como sempre tirei boas dicas de Meu gato endiabrado, o programa comandado por Jackson Galaxy, não pensei duas vezes antes de ler O Encantador de Gatos. Apesar de muito bonzinho, carinhoso e companheiro, o Jean Luc, meu filho felino, apresenta comportamentos que, de vez em quando, me deixam louca!! E, com a leitura desse verdadeiro guia, consegui identificar as razões e também as soluções para esses problemas. Vale ressaltar que, nas quase 400 páginas do livro, Galaxy fala sobre praticamente tudo: desde o início da relação entre gatos e humanos até dificuldades com a caixa de areia e “gatificação” da casa, passando por questões territoriais, a necessidade de “caçar”, dúvidas sobre alimentação e por aí vai…

A forma como Jackson Galaxy se importa com o bem-estar dos felinos transborda das páginas! E foi por isso que, para mim, a grande lição de O Encantador de Gatos não foi (só) desvendar um pouco mais do comportamento deles. E sim compreender, de uma vez por todas, que cuidar de um animal (seja ele qual for) não é apenas “dar casa, comida e carinho”. É entender suas necessidades e fazer o que podemos paras supri-las – exatamente como fazemos com um “filho humano”. E muitas vezes, os gatos, tão independentes e donos de si, nos fazem esquecer que eles também precisam de nós, seus guardiões, para serem mais confiantes e felizes!

Título original: Total Cat Mojo
Editora: Best Seller
Autor: Jackson Galaxy e Mikel Delgado
Ano: 2017
Páginas: 388
Avaliação: 5 estrelas

Anúncios

4 pensamentos sobre “Resenha de O Encantador de Gatos – Jackson Galaxy e Mikel Delgado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s