Resenha de Em fogo lento – Paula Hawkins

Um jovem assassinado a facadas em seu próprio barco é o ponto de partida de Em fogo lento. A polícia logo encontra suspeitos do crime, mas, para além do “quem”, a pergunta que não quer calar é: por quê? Conforme a trama se desenrola, descobrimos que existem mais segredos nessa história e que só eles podem trazer a verdade à tona.

Em fogo lento mostra como tragédias que se transformam em traumas podem guiar a vida das pessoas que passam por elas. Mais uma vez, Paula Hawkins une o thriller a doses perfeitas de dramas familiares: com a história de Laura, testemunhamos as consequências da negligência parental; já com Carla, acompanhamos uma mulher corroída pelo luto e pela mágoa; e Miriam nos mostra como uma situação traumática pode se estender por anos e anos.

Um dos pontos que mais me chamou a atenção em A garota no trem foi o fato de que, em seu mais famoso livro, Hawkins retrata diversos aspectos do que é ser mulher nos dias de hoje – principalmente, em relação à maternidade. Em fogo lento, ela o faz novamente e o que une as histórias das personagens femininas é tudo aquilo que lhes foi tirado – um filho, uma história, uma família.

Com a carismática Irene, no auge de seus 80 anos, Em fogo lento evidencia a condescendência com que tratamos as pessoas idosas, frequentemente subestimando-as e encaixando-as em nossos pré-conceitos. Sem dúvidas, um tributo e uma releitura de Miss Marple, a célebre personagem de Agatha Christie. Com todos esses elementos, a trama não deixa a desejar nos quesitos reviravoltas e manipulação. No entanto, se seguir as pistas fornecidas pela autora, é possível chegar à resolução do grande mistério!

Explorando a linha tênue que existe entre responsabilidade e culpa, o novo livro de Paula Hawkins também nos faz questionar: até que ponto vale fazer justiça com as próprias mãos se a justiça em si é tão subjetiva e a verdade, tão escorregadia? Difícil dizer. Mas fato é que, mesmo em fogo lento, as dores e mágoas inevitavelmente levantam fervura, podendo queimar tudo ao seu redor.

Título original: A slow fire burning
Editora: Record
Autora: Paula Hawkins
Tradução: Flavia de Lavor
Publicação original: 2021

Parceria paga com Editora Record

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s