Resenha de Uma história de amor agridoce – Loan Le

Uma versão moderna de Romeu e Julieta – com menos drama e muita representatividade!

Donos de restaurantes vizinhos, os Mai e os Nguyen são verdadeiros inimigos. Por isso, Bao e Linh passaram a maior parte da vida se evitando, ainda que frequentem os mesmos lugares. Até a noite em que Linh precisa de um amigo e, contra todas as probabilidades, Bao é quem aparece para socorrê-la. A conexão entre eles é imediata e, conforme a amizade se transforma em algo mais, eles passam a desconfiar que a rixa entre as famílias surgiu por algo muito maior do que a concorrência entre os restaurantes.

Comecei a ler Uma história de amor agridoce esperando um romance adolescente, daqueles bem leves e gostosos de ler. E sim, foi o que encontrei, mas também me deparei com uma história que vai muito além! Repleta de representatividade, a obra de Loan Le nos apresenta aos costumes e estilo de vida das famílias vietnamitas – e pelas especialidades gastronômicas também, é claro!

No entanto, mais do que ter descendentes de asiáticos amarelos como protagonistas, Uma história de amor agridoce nos leva a uma jornada sobre as dificuldades que a fuga do Vietnã durante a guerra trouxe para as famílias que imigraram para os Estados Unidos. E principalmente, sobre o quanto custa e o quanto se perde, não apenas materialmente, quando se é obrigado a abandonar o próprio país.

Gostei muito de como Loan Le construiu a relação entre Bao e Linh e seus respectivos pais. A autora mostrou a preocupação em relação ao futuro dos filhos, que, muitas vezes pode se transformar em pressão e expectativas a que eles simplesmente não querem corresponder. Mas a ideia nunca foi demonizar os pais por isso e, sim, contextualizar e propor que o leitor ao menos tente entender por que é tão importante para eles proporcionar certas oportunidades.

Outros pontos abordados por Uma história de amor agridoce foram o preconceito que os vietnamitas (e asiáticos amarelos, em geral) sofrem, ainda hoje, nos Estados Unidos, assim como a bem-vindas sensação de pertencimento. O desfecho foi especial, um tributo à importância arte, em todas as suas formas, e um convite à reflexão sobre o quanto as guerras acabam com vidas, mudam histórias drasticamente e interrompem sonhos.

Título original: A Pho Love Story
Editora: Nacional
Autora: Loan Le
Tradução: Ana Beatriz Omuro
Publicação original: 2021

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s