Resenha de Daisy Jones and The Six – Taylor Jenkins Reid

Daisy Jones e a banda The Six tinham um objetivo em comum: se tornarem estrelas do rock. E juntos, eles conquistaram muito mais do que poderiam imaginar. Mas quanto tudo isso custou?

Em Daisy Jones and The Six, desembarcamos nos anos 1970, no melhor estilo “sexo, drogas e rock ‘n’ roll. Narrado no formato de entrevistas, o livro nos conta a história de uma das maiores bandas de todos os tempos. Como Daisy Jones se uniu ao The Six? Como foi o processo de composição das músicas? E o mais importante: por que o show de 12 de  julho de 1979 foi o último?

Antes de mais nada, vale ressaltar que Daisy Jones and The Six não existiram de verdade – muito embora Taylor Jenkins Reid nos faça acreditar no contrário. No entanto, para escrever o livro, a autora se inspirou, sim, em uma banda real. Em 1997, Taylor, então com 13 anos, assistiu ao videoclipe de Landslidede Fleetwood Mac, e ficou hipnotizada pela dinâmica entre Stevie Nicks e Lindsey Buckingham“Por um milésimo de segundo, Lindsey colocou o punho debaixo do queixo e olhou para Stevie como se ela fosse um milagre”, escreveu Taylor neste artigo (o videoclipe vocês podem assistir aqui).

Vinte anos depois, o momento entre Stevie e Lindsey ainda reverberava na memória de Taylor. E, então, ela escreveu Daisy Jones and The Six.

Assim como em Os sete maridos de Evelyn Hugo, a autora nos envolve em uma trama extremamente fluida, capaz de transbordar cada sentimento dos personagens em toda sua intensidade e complexidade. Também como Evelyn, Daisy é uma protagonista para amar e odiar. Nem sempre – ou nunca – concordamos com as atitudes que ela toma. Mas, entre tantos paradoxos, Daisy é tão livre e verdadeira, que se torna incômodo e inspiração em medidas iguais.

“Uma história de amor e música” é o que diz a capa de Daisy Jones and The Six. No entanto, a verdade é que o livro vai muito além. Com personagens falhos e tridimensionais, Taylor Jenkins Reid nos conta uma história sobre corações que foram partidos por escolhas, tentações e verdades dolorosas. Mas que também foram remendados pelo poder de redenção que existe em tudo aquilo que nos machuca.

Título original: Daisy Jones and The Six
Autora: 
Taylor Jenkins Reid
Tradutor: Alexandre Boide
Editora: Paralela
Publicação original: 2019

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s