Resenha de Confie em mim – Harlan Coben

Captura de Tela 2016-06-22 às 17.34.18

Depois do suicídio de seu melhor amigo, Spencer, Adam desenvolve um comportamento distante e defensivo. Preocupados, os pais, Tia e Mike Baye, instalam um programa no computador do filho de 16 anos, a fim de descobrir se existe algum problema mais grave. É quando eles se deparam com uma mensagem misteriosa que diz apenas para que Adam “fique de bico fechado”. Enquanto isso, Betsy Hill, mãe de Spencer, encontra uma foto do filho na noite do suicídio e começa a desconfiar que ele não estava sozinho – e que era Adam quem estava com ele.

>> Encontre o melhor preço de Confie em mim

Quando li Não conte a ninguém, fiquei impressionada com a forma como Harlan Coben conectou tantos pontos soltos em uma história que, apesar de completamente maluca, fazia todo o sentido. E, embora tenha lido apenas dois livros do autor, já arrisco dizer que esta talvez seja a sua marca registrada. Em Confie em mim, Coben desenvolve diversas histórias e, como leitores, nós entendemos desde o início que elas estão interligadas. Só não sabemos como, e essa é a grande graça do livro – descobrir como o autor irá conectar tantos acontecimentos extraordinários.

As questões morais são bastante exploradas por Coben, principalmente até que ponto os pais são capazes de chegar para proteger os filhos. Outros temas mais polêmicos e delicados, como bullying, depressão e suicídio, também estão na história e são abordados com responsabilidade. Outro ponto positivo de Confie em mim é a forma como o autor traçou o perfil dos personagens, indo além do que a trama “demanda”. Obviamente, não chega ao nível Stephen King, mas enriquece a obra e a torna mais verossímil.

Sim, Confie em mim é envolvente, bem amarrado e deixa o leitor mais e mais curioso a cada página. Mas confesso que o nível de “mirabolância” de Harlan Coben vai um pouco além do ideal para mim. E apesar de admirar o autor pela criatividade e capacidade de conectar várias facetas de uma história, não sei se vou me aventurar em mais obras dele.

Título original: Hold Tight
Editora: Arqueiro
Autor: 
Harlan Coben
Ano: 2008
Páginas: 316
Tempo de leitura: 6 dias
Avaliação: 3 estrelas

Veja mais livros de Harlan Coben

Anúncios

4 thoughts on “Resenha de Confie em mim – Harlan Coben

  1. Eu também fiquei com vontade de ler outros livros dele depois do Não conte a ninguém mas até hoje não li. Fique impressionada com essa capacidade também.
    Esse vai pra listinha.
    Bjs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s