Resenha de Até você ser minha – Samantha Hayes

IMG_6224

A vida de Claudia Morgan-Brown está finalmente prestes a se tornar perfeita: casada com o atencioso James, ela ama o trabalho como assistente social, é uma ótima madrasta para os adoráveis gêmeos Oscar e Noah e, enfim, está grávida de sua tão desejada primeira filha. Como oficial da marinha, no entanto, James passa longas temporadas longe de casa, por isso, o casal contrata Zoe Haper, a babá de referências impressionantes que irá ajudar Claudia a cuidar dos gêmeos e da nova bebê. Mas, apesar do trabalho impecável e da personalidade discreta, Zoe faz com que Claudia se sinta ainda mais vulnerável e existe algo na babá que ela simplesmente não consegue decifrar.

>> Encontre o melhor preço de Até você ser minha

Em Até você ser minha, Samantha Hayes narra a história sob os pontos de vista de Claudia e Zoe em primeira pessoa e da investigadora Lorraine Fisher em terceira, o que transforma o livro em um thriller psicológico E policial. Antes de começar a leitura, eu já sabia que iria me deparar com muito mistério. No entanto, a autora consegue levar o suspense a outro nível, não apenas com a alternância entre as narrativas (olá, milhares de cliffhangers!), mas também com subtramas que, aos poucos, se conectam e revelam novos detalhes sobre a história – e, claro, também intrigam cada vez mais o leitor.

Até você ser minha tem as duvidosas intenções de Zoe em relação a Claudia como trama central, mas também mergulha nas muitas nuances da maternidade e do desejo mais íntimo e feroz de se tornar mãe – e, muitas vezes, não conseguir. E é também por meio deste viés, além das investigações, que a história de Lorraine se conecta às das outras duas personagens, já que, apesar de ser narrada em terceira pessoa, é bastante pessoal e aborda as relações da investigadora com as duas filhas e o marido, que é também seu parceiro de trabalho.

Como em todo bom thriller psicológico/policial, a autora manipula o leitor ao máximo e, em Até você ser minha, desde o título e a sinopse. No meu caso, foi exatamente a premissa do livro que atraiu minha atenção e a forma como a autora desenvolveu a trama apenas me deixou mais e mais interessada, página após página. Mas a gente também sabe que todo bom thriller psicológico/policial conta com reviravoltas, muitas vezes mirabolantes e inimagináveis. A obra de Samantha Hayes atende a este pré-requisito e guarda o grande plot twist para as últimas páginas, deixando algumas pontas soltas, sim, mas nada que comprometa o roteiro bem amarrado. Assustador e surpreendentemente plausívelAté você ser minha é doentio até, literalmente, a última frase.

Título original: Until you’re mine
Editora: Intrínseca
Companion book: What you left behind – DCI Lorraine Fisher #2 (ainda não publicado no Brasil)
Autor: Samantha Hayes
Ano: 2013
Páginas: 336
Tempo de leitura: 5 dias
Avaliação: 4 estrelas

selo-2015

Anúncios

11 thoughts on “Resenha de Até você ser minha – Samantha Hayes

  1. E que última frase, viu? Nossa! hahaha
    Gostei bastante do livro e, se não fosse a viagem, teria lido muito mais rápido.
    Acho que já quero ler mais algum livro da autora. Principalmente, se a escrita dela continuar em capítulos de pontos de vista. Adoro esse estilo, como já havia comentado com vocês no wpp. Tira o possível tédio de apenas um ponto de vista, mas claro, depende muito do tipo de livro. Acho que deu certinho com investigativo. Muuuito crazy e angustiante, mas legal!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s