Resenha de Confess – Colleen Hoover

IMG_9474

Aos 15 anos, Auburn Reed viu sua vida virar de cabeça para baixo e, desde então, planeja seus próximos passos com um objetivo fixo em mente – mesmo que isso signifique abrir mão de todas as suas vontades. No entanto, quando entra em um estúdio de arte em busca de uma renda extra, ela se sente instantânea e estranhamente atraída pelo misterioso artista Owen Gentry – e é correspondida. É quando, pela primeira vez em anos, Auburn decide seguir seus desejos. No entanto, logo ela descobre que Owen tem segredos que podem não apenas impedi-los de ficarem juntos, como destruir o que ela tem de mais importante na vida.

Já li oito livros e duas short stories de Colleen Hoover e gostei de todos, em maior ou menor grau. Por isso, é impossível conter as expectativas antes de iniciar mais uma leitura da autora. Confess já começa com um tapa na cara, que dá todas as amostras de que será mais uma das histórias “too much” de Colleen, e é aí que está o problema. Não sei dizer se sou eu ou se ela realmente exagerou na dose de intensidade, mas o puxa-saquismo e a idolatria entre Auburn e Owen ultrapassam não apenas os limites da realidade, mas também da saúde mental e do fofo. Cansativo e enjoativo, só para começar.

Some secrets should never turn into confessions.

Confess, assim como todos os outros livros de Colleen, é cheio de surpresas, tragédias e segredos. No entanto, desta vez, achei que a autora exagerou no mistério: a primeira grande revelação realmente surpreende, mas só acontece depois dos 40% do livro, o que às vezes faz com que a leitura pareça não ter muito propósito. Outra coisa que me incomodou na trama foi o uso da já batida fórmula que faz com que você pense que o mocinho é um bad boy, quando, na verdade, sabe que as atitudes suspeitas dele nada mais são do que atos nobres e altruístas. ZzZzzzZZ, sério.

Outra característica de Colleen é conectar as histórias dos protagonistas para além do que podemos imaginar. Funciona em Hopelessmas, em Confess, soa forçado. Para finalizar, a trama acumula uma série de problemas para que Auburn e Owen resolvam, ao mesmo tempo em que tentam ficar juntos. E, no final, tudo se resolve de forma relativamente simples, que já poderia ter sido colocada em prática muito antes – mas daí não teria história, eu sei, e esse é ponto. Odeio ter que “falar mal” da Colleen, mas, pela primeira (e espero que única) vez, realmente não deu para cair de amores, tampouco engolir Auburn e Owen.

Título original: Confess
Autor: Colleen Hoover
Ano: 2015
Páginas: 320
Tempo de leitura: 3 dias
Avaliação: 2 estrelas

Veja mais livros de Colleen Hoover

Anúncios

25 thoughts on “Resenha de Confess – Colleen Hoover

  1. Super concordo com seu parecer… Tanto q abandonei dp de 6 dias e 74% de leitura.
    Fiquei mto decepcionada com o ritmo da história e o mimimi dos personagens. Nada ali foi cativante o suficiente pra q eu seguisse em frente. Chateei.
    Espero q Never never 2 me faça recuperar a fé nela.

  2. Nossa livro mais chato dela, e olha que já li alguns hein, mas esse superou!
    Sem propósito nenhum, fora as forçadas de rasgação de seda que só por Deus viu?!
    Não recomendo pra ninguém…
    ;)

      1. Na minha opinião achei o livro maravilhoso e viciantes, o problema acredito é ler muitos livros de romance seguidos, isso cansa, sempre me aventuro em outros estilos e quando volto ao estilo e o livro é bom me encanto.

      2. Maybe Someday foi o último bom livro que li da Colleen. Confess e os 3 Never Never definitivamente não me cativaram. November 9 nem li.
        Eu leio quase todos os gêneros de livros e sempre alterno os estilos, então não acho que esse tenha sido o problema com Confess…

  3. Eu gostei muito! Não achei a leitura cansativa, tanto que li num dia só. Não conhecia essa autora, mas vou ler mais livros dela daqui por diante. Até queria saber se confess tem continuação, pois eu terminei o livro e ela não contou qual era a relação dos dois…

    1. Talvez seja porque é o primeiro livro da Colleen Hoover que você lê. Antes eu costumava devorar os livros dela, agora, já nem leio mais… Hahaha! Mas espero que você goste dos outros livros dela e recomendo muito Um Caso Perdido.

  4. Fiz uma imersão nos livros da Colleen nos últimos dias e realmente tenho que concordar que de todos que li, Confess é de longe o mais fraco, e sabe que a história até tem um pouco de potencial, mas foi pouco explorada e explorada da maneira errada na minha opinião. Ela enrola de mais no início na galeria, ou se pelo menos vai descrever aquela parte tão bem então poderia deixar o livro maior fazendo com que os pontos de climax fossem maiores. Quando eu estava nas últimas páginas do livro, digamos que ali pelas 10 finais eu pensei ”putamerda, como ela vai desenrolar todo o resto da história em 10 páginas?” E realmente, ela não desenrola bem, claro que a Auburn teve uma ideia ótima pra resolver o problema, mas poxa, o desenrolar da história todo descrito em sei lá, uma página… Precisava de mais umas 50 páginas no livro e ela poderia ter feito algo bem melhor.

    1. Oi Nadine,
      Eu amava a Colleen Hoover, mas, depois de Confess e Never Never, cansei de uma maneira que nunca mais li nada dela.
      Adoro a intensidade da autora, especialmente em Hopeless e Losing Hope. Mas acho que ela exagera na dose e, com Confess, Ugly Love e Maybe Someday, a intensidade se torna melosidade, sabe?
      Uma pena…

      1. Oi Nádia, eu não li Hopeless e Losing Hope ainda, mas queria, ainda não consegui eles. Sim, te entendo nessa da melosidade, eu gostei de Maybe Someday e Maybe Not, apesar dos pesares… :)

  5. Oie, como consigo ler Confess?? … Ja pesquisei em varios sites de compra, e blogs de resenha… não consigo achar nenhuma fonte que me de essa resposta… o livro ainda não foi traduzido para portugues?? Por favor, me responda o mais rapido possivel estou ansiosa para ler o livro

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s