Resenha de Sendo Nikki (Cabeça de Vento #2) – Meg Cabot

 

Sendo Nikki, o segundo volume da série Cabeça de Vento, superou minhas expectativas.  Podemos dizer que o primeiro livro é uma espécie de introdução à toda a história – e, por isso, é um tanto parado -, enquanto Sendo Nikki é onde toda a mágica acontece. O início do livro é um pouco lento, não revela muito mais do que o que já sabemos por ter lido o anterior. No entanto, a partir de certo trecho, a história engrena e aí, chega aquele momento em que você não quer mais parar de ler.

>> Encontre o melhor preço de Sendo Nikki

Como o próprio título do livro entrega, em Sendo Nikki, Em passa a, de fato, viver a vida da top model – e isso inclui resolver seus problemas e aguentar as consequências das encrencas arranjadas por ela. No entanto, além de não conseguir fazer Christopher entender que ela é, na verdade, sua melhor amiga, Em descobre que ele está tramando um grande plano contra a Stark. Para piorar a situação, o irmão de Nikki (ou pelo menos alguém que se diz irmão de Nikki) aparece dizendo que a mãe deles está desaparecida. E então, aos poucos, Em começa a desconfiar que existe muito mais do que o que ela sabe por trás da história do transplante de cérebro.

Em Sendo Nikki, Em está em uma situação ainda mais complicada, mas nem sempre isso justifica suas atitudes infantis e egoístas. Com a “embalagem” da super modelo, a protagonista parece assumir uma postura omissa, bem diferente da personalidade forte e convicta que mostra em seu corpo original.

Assim como Cabeça de VentoSendo Nikki é de fácil leitura, mas ganha outro ponto positivo por ser mais envolvente. Mas, como disse na resenha do volume anterior, para se deixar envolver pela história um tanto inusitada de Meg Cabot é preciso ir de mente aberta. O fato de os acontecimentos serem muito bem amarrados e as revelações surpreendentes só agrega valor à obra e o final é daqueles que chega até a dar raiva, por ser tão repentino e deixar aquele gostinho de “quero mais e agora”.

Título original: Being Nikki
Editora: Galera Record
Volume anterior: Cabeça de vento
Volume seguinte: Na passarela
Autor: Meg Cabot
Ano: 2009
Páginas: 320
Tempo de leitura: 2 dias
Avaliação: 4 estrelas

Veja mais livros de Meg Cabot

Anúncios

3 pensamentos sobre “Resenha de Sendo Nikki (Cabeça de Vento #2) – Meg Cabot

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s